Mostrando postagens com marcador Álbum Pinturas e Exposições. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Álbum Pinturas e Exposições. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 4 de março de 2019

...Esperança que volta a florescer...

Que volte a nascer, que volte a florescer, pois que um dia me deixou, hoje arde o desejo em mim,

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2019

...Convite à uma exposição...

No dia 23 de Novembro de 2018, entre fantásticas apresentações e pessoas a prestigiar cada momento, nosso grupo de pintores com a boca e os pés se apresentou demonstrando arte, superação e emoção no sítio Jonosake.
Durante duas horas pudemos demonstrar um pouco de nosso esforço, pintando ao vivo em meio à multidão, que ali abismada, não acreditava, se maravilhava, aprendia que o mais importante é nunca desistir.
Nosso trabalho se tornava prazer a cada olhar e muitos vinham fazer perguntas, nessa tarde transformamos mais um impossível em arte. A nossa pequena e gloriosa exposição durou algumas horas, mas tenho certeza que deixou marcas em nossos corações e daqueles que se inspiravam entre b
elas cores e grandes talentos.












E é possível que neste ano tenha mais! Mantenha-se conectado ao blog para se manter informado. E a cada informação passarei em primeira mão.


segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

segunda-feira, 24 de dezembro de 2018

...Mais um ano demonstrando evolução e arte, Thiago Ribeiro Santos...


 Em 1995 sofri um acidente, ao atravessar uma rua por trás de um ônibus, fui pego por um motorista que não tinha visão completa. Ao ser atropelado fui jogado em cima de um paralelepípedo, meio-fio, em BH, ficando tetraplégico, após uma lesão na segunda vértebra cervical.


Uma batalha se iniciava, buscando a vida. Um ano e quatro meses passei morando em hospitais na cidade onde sofri o acidente. Reaprendendo a viver e cuidar de mim.
Aprender na prática o que significa superação não foi fácil.
Ver e crescer com estas impossibilidades trouxe grandes lições.
Como amar e realmente me importar com as pessoas ao meu redor.
Em 2005, pude realizar um grande sonho: escrever meu primeiro livro, Esperança sem Fim, no qual conto minhas experiências e como foi a vida até aqui, a forma que aprendi a ver o mundo, a forma que aprendi a interagir com ele.

Grandes coisas vieram a partir disso, saber que tudo era possível, saber que a vida continua e desistir jamais.
Hoje, como escritor e artista plástico, graças a um amigo que muito me ajudou a realizar este sonho, venho construindo um pouco do que sou e que quero ser.
Sempre haverá lutas, o mundo dirá que não, mas para aquele que continua tendo esperança e vontade de lutar, até mesmo as grandes tempestades tornam-se leves brisas.
Só a vontade nos faz continuar, superando limites, transformando desafios em sonhos, transcendendo a realidade e fazendo de um sorriso uma oração.




Todos os direitos estão reservados à Associação de Pintores com a Boca e os Pés.

Apresentações deste artista em Exposições anteriores:
1º Ano: http://espelhodaseras.blogspot.com.br/2015/12/hoje-encerramos-exposicao-de-natal.html
2º Ano: http://espelhodaseras.blogspot.com.br/2016/12/pintor-tetraplegico-se-supera-no-5-dia.html
3º ano: http://espelhodaseras.blogspot.com/2017/12/artista-com-boca-no-encerramento-da-3.html

domingo, 23 de dezembro de 2018

...Goret Chagas impressiona a todos em mais um ano de exposição...


Arara Vermelha
Acrílica sobre Tela - 50x70
R$2500
Araras Azuis
Acrílica sobre Tela - 50x70
R$2500
 Cores, expressão de vida, admirar e deleitar-se em um rico mundo onde as expressões tornam-se asas e luz, Goret Chagas, artista e exemplo.


Tudo começou em Delfinópolis, 1951, nasci tetraplégica.
Minha infância? Eu ficava sentada em cima do balcão desenhando com os pés.
Minha cidade? É pequena, acolhedora, turística, era festa do Divino Espírito Santo.
Tenho cinco anos, sinto febre e terríveis dores nas pernas que não movimentam, digo que vou andar ou morrer.
Último dia de festa, sou proibida de sair, mas quero e vou à procissão.
Nos braços de alguém, peço para descer, grito novamente, assusto e vou para o chão, começo a andar, dou os primeiros passos de minha vida!
A vontade de uma criança aliou - se à ilimitada intervenção divina!
Os anos passam, a arte de viver alicerçada em Deus cria meios de sobrevivência,  descobre dons, persiste, luta e vence.
Hoje?
Continuo com os membros superiores atróficos, sou artista plástica, pertenço à Associação dos Pintores com a Boca e os Pés com obras premiadas e reproduzidas, medalhas e troféus no Brasil e exterior.
Expus e pintei no Carroussel du Louvre, fui homenageada, em Paris com o  Título de Grande Embaixadora pela Divine Academie Francaise em 2016 e 2018
Sou graduada em Letras, Educação Artística e Semiótica.

Escritora, atuo como palestrante motivacional.

Luz Surreal
Mista sobre painel - 60x70
R$2000


Participações desta artista em Exposições anteriores:
1º ano: https://espelhodaseras.blogspot.com/2015/12/sexto-dia-da-exposicao-de-presente-de.html
2º ano: https://espelhodaseras.blogspot.com/2016/12/no-3-dia-da-exposicao-virtual-anual-de.html

Todos os direitos autorais são reservados para a Associação de Pintores com a Boca e os Pés (http://www.apbp.com.br/)

sábado, 22 de dezembro de 2018

...Leandro de Oliveira, mais que um grande artista, exemplo de sonhador...

Adicionar legenda
 Mais uma história de sucesso e superação, na qual um sonho torna-se alicerce para viver.

Leandro Camargo de Oliveira ( Lê Pingo ), sou de Itapetininga-SP, nasci em 25 de maio de 1980.
Sofri um acidente de trânsito em 06 de fevereiro de 2000, estava de moto e um carro entrou na contra-mão e me acertou, quebrei o pescoço e tive uma lesão completa na medula, ficando tetraplégico.
A pintura começou em minha vida depois de procurar alguns professores de pintura, e quando sabiam que eu era tetraplégico davam uma desculpa para não darem aula.
Tomei isso como incentivo e comecei a pintar em guardanapos, seguidamente passando para as telas. Em fevereiro de 2014, comecei a pintar com a boca, a fim de conseguir realizar um sonho e entrar na APBP (Associação de Pintores Boca e Pés). Depois de algumas telas pintadas, entrei em contato com a Luciana da APBP, que marcou um dia e veio em minha casa onde viu meus trabalhos. Enviou todos os documentos e algumas telas para a sede da APBP na Suíça e seis meses depois recebi uma carta dizendo que tinha sido aceito na Associação. Desde então, pinto todos os dias a fim de melhorar e um dia pintar como sonho.
Gostaria de deixar meus agradecimentos a minha Família e as todas as pessoas que me ajudaram e incentivaram a pintar, meu muito obrigado!
Em especial a minha mãe Neusa e meu pai Jonas, sem eles eu não seria nada, AMO VOCÊS!
Nunca desistam da vida, ela pode sempre nos surpreender.
Obrigado pela oportunidade de expor alguns dos meus trabalhos.
Se alguém se interessar e quiser saber um pouco mais sobre mim, só acessar meu Facebook ou enviar mensagem no meu e-mail.

Participações em Exposições anteriores:

3º ano: https://espelhodaseras.blogspot.com/2017/12/apresento-lhes-leandro-camargo-de.html

Todos os direitos autorais são reservados para a Associação de Pintores com a Boca e os Pés (http://www.apbp.com.br/)

sexta-feira, 21 de dezembro de 2018

...Acompanhem a grande inspiração de Jefferson Maia, no terceiro dia de Exposição Virtual...

Contratorpedeiro Pará
Acrílica sobre Tela - 40x50



Personalidade e talento, um brinde à arte, conheçam Jefferson Maia.

Girassóis
Acrílica sobre Tela - 40x50
Jefferson Maia, nascido no Rio de Janeiro em abril de 1964; ex-profissional do mergulho profundo na Bacia de Campos, tornou-se tetraplégico aos 23 anos por acidente; após a reabilitação física foi atleta em algumas modalidades do paradesporto culminando capitão da primeira Seleção Brasileira de Rugby em Cadeira de Rodas (2008).

Hoje, é Pedagogo e Artista Plástico, atuante na carreira, desde 2009, adaptado com a tetraplegia e limitação nas mãos pintando com a boca, bolsista exclusivo da Associação Pintores com a Boca e os Pés (www.APBP.com.br) com obras mundialmente reproduzidas bem como diversas atuações em mídia, apresentação de pintura ao vivo, exposições em galerias, salões e concursos; atuando ainda como Palestrante Facilitador Motivacional e Coordenador de Oficinas de Arte Inclusiva.
Tiro com Arco Paralímpico - 40x70
Ilhas Gregas - 50x40
Acrílica sobre Tela

Resultados: § Iº Troféu Beija-Flor – RIOVOLUNTÁRIO, Dez 1997; § Condução Tocha Parapanamericana 2007; § Moção de Congratulações Câmara de Mesquita, Abr 2010 ; § Moção de Congratulações Câmara Federal dos Deputados, Fev 2013; § Moção de Congratulações Câmara Municipal do Rio de Janeiro Jun 2015; § Medalha da Vida Operação Lei Seca – Alerj 2014; § Condução da Tocha Olímpica Jogos Rio 2016; E, além das premiações desportivas, hoje, de notoriedade artística com Menções Honrosas, Certificados, Medalhas e Troféus em salões de artes.

Por isso, na arte tento sintetizar meu olhar e percepção pelo que considero belo, aprendendo e aprimorando técnicas, literalmente viajando no mundo das cores e formas, me realizando nos resultados e, cada vez mais me perder no tempo me sentindo capaz!

·       Todos podem ter um lugar ao sol! O sentido de Inclusão permeia em como podemos nos sentir em harmonia com o meio comum, ou seja, simplesmente viver fazendo parte do todo; assim como uma das cores que compõem um belo quadro, pelo que se vê no que sente e como se define.

Participações em Exposições anteriores:
1º ano: https://espelhodaseras.blogspot.com/2015/12/terceiro-dia-de-exposicao-dos-pintores.html
3º ano: https://espelhodaseras.blogspot.com/2017/12/as-cores-que-ressaltam-no-olhar-de.html

Todos os direitos autorais são reservados para a Associação de Pintores com a Boca e os Pés (http://www.apbp.com.br/)

quinta-feira, 20 de dezembro de 2018

...Mais que um grande artista, Carlos Fraga nos impressiona a cada ano que participa da Exposição Virtual...

Carlos Fraga

Uma pessoa normal, que adorava esportes, alpinismo (tendo escalado o Dedo de Deus, Pão de Açúcar), caça submarina, karatê, futebol, surf, etc.
Trabalhava desde os 14 anos, e com 18 anos sofreu um acidente que o deixou tetraplégico.

Pintor com a boca da “Associação de Pintores com a Boca e os Pés (APBP)”

Iniciei a pintura em 2008 por meio de um amigo que já fazia parte da APBP. O processo de seleção para participar como bolsista da APBP levou cerca de um ano, com a criação de algumas pinturas que foram analisadas e aprovadas. Diante desta perspectiva, comecei a investir mais no aprendizado de pintura com diferentes professores particulares, e também em grandes instituições como a Rede Sarah e a Escola de Belas Artes da UFRJ.
Após o estudo e conhecimento da obra de vários pintores modernos e clássicos, hoje me identifico com as referências contemporâneas de pintura hiperrealista, como o pintor mexicano Omar Ortiz.
Atualmente o meu tema de interesse é a sensualidade feminina expressa em suas várias nuances de cenas cotidianas.
Após nove anos de aprendizado e produção artística, a pintura tornou-se a minha profissão e meu refúgio, proporcionando-me momentos de grande prazer.





Participações desde artista nas Exposições Virtuais de anos anteriores:

1º ano: http://espelhodaseras.blogspot.com.br/2015/12/com-sua-arte-kaze-impressiona-quarto.html
3º ano: https://espelhodaseras.blogspot.com/2017/12/e-sempre-uma-honra-receber-nosso-grande.html

Todos os direitos autorais são reservados para a Associação de Pintores com a Boca e os Pés (http://www.apbp.com.br/)

quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

...4ª Edição da Exposição Virtual - Com vocês, Daniela Caburro...




 Corajosa, guerreira, talentosa. Todos estes atributos, embora verdadeiros, tornam-se pequenos diante de sua pessoa e arte. Apresento-lhes Daniela Caburro.



Daniela Caburro artista plástica (pintura com a boca), natural de São Carlos SP,  integrante 
da Associação dos Pintores com a boca e os pés (sede na Suíça). Com muita dedicação elabora seus trabalhos desde de 1994, gosta de diversos temas em especial os cavalos. Em cada pincelada transporta-se para dentro de suas obras buscando as vivencias e movimentos que nunca teve. 

Através da APBP tem suas obras reproduzidas em cartões, calendários no Brasil e exterior. Além da pintura Daniela realiza palestras motivacionais e oficinas de pintura.


Prêmios:

- Título de ''CIDADÃ BENEMÉRITA'' de SÃO CARLOS – SP - Iniciativa - Vereador Roberto Mori Roda e ajuda do amigo Bráulio Ferreira - 13 de Junho de 2008

 - Menção Honrosa com a obra "O Menino" – São Carlos - 1998

- Diploma de Participação com a obra "Sítio" - 1º Salão de Artes Plásticas Conde do Pinhal - São Carlos 1998
- Medalha de Prata com as obras "Cristo RJ" e "Rugby em cadeira de rodas"  - Salão Rio Olímpico e Paralímpico - Rio de Janeiro 09/06/2016 



Livro:


Menina de Arte

Escritora: Hebe Rios do Carmo

Ano de publicação: 2011
Edição: Primeira
Páginas: 157
O livro Menina de Arte, da jornalista Hebe Rios do Carmo, é a biografia da artista plástica de São Carlos                    
Daniela Caburro.


Contato:

 

Tel:  ( 16) 33071497

Cel:  (16) 992163357 

Todos os direitos autorais são reservados à Associação dos Pintores com a Boca e os Pés



Participações em exposições anteriores:
2º ano: http://espelhodaseras.blogspot.com/2016/12/com-sua-arte-daniela-pintora-com-boca.html
3º ano: https://espelhodaseras.blogspot.com/2017/12/como-descrever-uma-obra-perfeita.html


terça-feira, 18 de dezembro de 2018

...Abertura da 4ª Exposição Virtual...

Banner da coleção de Thiago Ribeiro Santos

Um bem-vindo à todos ao quarto ano da Exposição Virtual. Nos empenhamos em trazer belas histórias de superação além de obras produzidas com a boca e os pés.
Contando com a colaboração de artistas da APBP, da qual sou bolsista, demonstramos a arte de viver as cores de um futuro que às vezes é construída através de grandes batalhas e lágrimas.
Honrado, apresento nos próximos dias mais que arte, vidas que brilham transcendendo limites, transformando dores em sonhos.
Bem-vindos à Exposição Virtual de 2018!

sábado, 15 de dezembro de 2018

...Paraíso Jonosake...

Às vezes, em meio à guerra, nos vemos em um paraíso, que entre folia e diversão conseguimos sonhar como em um conto de fadas.
Há poucos dias estive num lugar destes. Onde pude deixar de lado a realidade para observar as flores, contemplar o verde e estar ao lado de pessoas vibrantes, inebriadas pela alegria.
Em 23 de novembro de 2018, a APBP, junto com o Sítio Jonosake, organizou uma grande apresentação de pintura ao vivo da qual tive a honra de participar.
Ao chegar pude perceber o carinho de ser recebido, pude sentir que em pouco tempo estava relaxado, mas mesmo assim apreensivo, pois seria a primeira vez que pintaria em público. Deixo meus agradecimentos ao Marcelo Cunha por ter o espaço adequado para demonstrar minha arte. E ao mesmo tempo, através da atenção do senhor Akira e da senhora Keiko (proprietários do sítio) - coloquei entre parênteses pois notei que aquele lugar traz consigo uma grande família - pude me sentir confortável e querido.
Em meio às batalhas, as vezes Deus nos conduz a pastos verdejantes onde o espírito ganha forças e se renova para novamente poder lutar.
Para ser breve, tive um dia que jamais esquecerei e como tantos tesouros, que são minhas lembranças, guardarei para sempre no meu coração. Agradeço a todos pois tive ajuda de tantos, a atenção de muitos que dividiram comigo o seu dom da alegria.
Quero agradecer especialmente a nomes já referidos, não por serem mais ou menos especiais, mas por tocarem em meu coração com o brilho de suas almas.
Ao senhor Akira pela atenção.
Ao Marcelo Cunha pela dedicação.
À Luciana Muniz por trazer um sorriso brilhante e um coração que nos encanta.
Aos artistas da APBP como um todo que executaram a apresentação exemplarmente.
À minha princesa de contos de fadas, que por mais que tente, não consigo lembrar o nome, mas que está gravada em meu coração e nas fotos que estão gravadas aqui embaixo.

Viver é a arte de ter em suas mãos a alegria, a bondade, a superação de construir um novo dia.

Paraíso Jonosake
Acrílica sobre Tela - 30x40
Quadro presenteado ao sítio Jonosake.





segunda-feira, 12 de novembro de 2018

...Buquê...

Buquê
Acrílico sobre Tela - 18x24
Andando pelo jardim a encontrei, um sonho, a flor que sempre procurei.
Andando pelo jardim a perdi no tempo, pesadelo sem fim.
Tentando reencontrar pétala por pétala em pleno ar.
Tentando voltar ao jardim de um doce amar.

segunda-feira, 5 de novembro de 2018

...Fortuna...

Fortuna
Acrílica sobre Tela - 30x40
Saber nadar no azul do mar, trazendo a sorte do navegar. E crescer na direção do querer, fortuna é saber viver.

segunda-feira, 22 de outubro de 2018

...Refúgio...

Refúgio
Acrílica sobre Tela - 20x30
E assim era o tempo, ao fechar os olhos ver o paraíso.
Onde a harmonia era natureza, e a natureza era harmonia.
As folhas bailavam, as águas cantavam e o tempo sorria.
Assim era a vida num tempo que já se foi.

segunda-feira, 1 de outubro de 2018

...Brilhar do Sol...

Brilhar do Sol
Acrílica sobre Tela - 15x15
Como um presente ofereço-te, o brilhar de um céu, o brilhar de um sonho, o brilhar de um sol.
Obrigado pelo carinho e pelo zelo que me oferece.

sábado, 22 de setembro de 2018

...Tarde maravilhosa no Museu do Amanhã...

   No dia 21 de Setembro compareci à abertura da exposição " Corpo de Fuzileiros Navais, Inclusão e Arte’’.
   Como já esperado, zelo, organização e dedicação, saltaram aos olhos ao primeiro momento.
   Mas, sabíamos que esse era apenas o começo.
   Honrando aos artistas que não puderam comparecer, ouvimos seus nomes. E aos que puderam, receberam o certificado em mãos por uma das personalidades que ali estava.
   Podia se ver lágrimas nos olhos de pessoas emocionadas em ver tantos exemplos de superação e coragem.

  
   Artistas do Rio de Janeiro, São Paulo e do Brasil inteiro compareceram ao Museu do Amanhã para prestigiar e expôr obras com o tema militar.
   O evento promovido pôde oferecer espaço para incontáveis pessoas, que admiradas, perguntavam aos artistas como conseguiam produzir obras tão belas utilizando a boca e/ou os pés.

   Na vernissage, comes e bebes foram oferecidos com abundância deixando com o "gostinho de quero mais".








   Após o trabalho, amigas me sequestraram da vernissage para conhecer o laboratório e outra exposição no museu.
  Maravilhado, pude ver um trechinho de como será o nosso futuro. Entre geladeiras de gel que decodificam seu genoma e lhe ofertam alimentos ideais à sua saúde e máquinas que projetam sonhos ou até pesadelos.
   Como um teletransporte a outro mundo pude ver as funções que exerceremos, sentir os aromas, e perceber uma nova realidade que se apresentará em breve em nosso caminhar por essa humanidade.
   Obrigado às amigas Marcela e Beatrice, e ao amigo Yuri que proporcionaram o encerramento com chave de ouro a essa aventura, onde o mundo se torna arte e a arte transcende os limites da realidade, conduzindo a vida um pouquinho mais em direção ao futuro.


quarta-feira, 19 de setembro de 2018

...Exposição Museu do Amanhã...


A exposição será aberta para o público no dia 22/09, com ingressos de R$10 a R$40, dependendo do dia.

segunda-feira, 17 de setembro de 2018

...Uma noite qualquer de Natal...

Uma noite qualquer de Natal
Acrílica sobre Tela - 20x30
Não sei se é imaginação ou apenas ilusão. Olhando para a neve naquele Natal, o tempo parava e o vento assobiava. Vendo ao longe aquele boneco que fiz, vendo ao longe aquele que vem presentear.
Da janela pude ver e a magia reconhecer. Mais um dia de Natal em uma noite qualquer.

segunda-feira, 10 de setembro de 2018

...Éden...

Éden
Acrílica sobre Tela - 33x24
Crescer e florescer. Alcançar o céu fincando as raízes em meus sonhos, transcendendo os limites para alcançar a sabedoria. Assim como a Terra, ser velha, ser eterna.

segunda-feira, 27 de agosto de 2018

...Barcos e Praia...

Barcos e Praia
Acrílica sobre Tela - 30x40
Nessa maré eu vou, viajando contra o mar, navegando contra o vento, tentando ser livre em meu movimento. Sendo assim, encontrar uma ilha deserta, solitária, ou apenas voltar à civilização.Viajando eu vou, e não sei quando chegarei.